Primeiro milhão

Primeiro milhão

Começo este texto como uma simples pergunta: quem quer ser um milionário? Apesar de não poder ouvir sua resposta, tomo a liberdade de dizer que a maioria de vocês gostaria de sê-lo, certo? Atingir R$1.000.000,00 certamente é uma marca que traz uma sensação de segurança financeira para qualquer pessoa e hoje irei compartilhar algumas dicas para que você possa ter seis belos zeros à direita em sua conta.

Não. Não irei falar sobre o fim do nosso país, nem sobre “milagres da multiplicação” e nem sobre oportunidades únicas que serão compartilhadas exclusivamente com você e com mais trezentas mil pessoas. 

Infelizmente, é muito comum que sejamos bombardeados com uma série de anúncios que vendem receitas fáceis de como enriquecer no mercado financeiro. São muitos os “gurus” que prometem técnicas infalíveis que o farão ganhar muito dinheiro na bolsa de valores, porém, a verdade é que esse tipo de investimento possui considerável grau de risco e deve ser feito com prudência, pois não se trata de um ambiente de apostas.

Isto posto, o primeiro passo em direção à marca de R$1.000.000,00 é entender que você deve possuir uma forma de ganhar dinheiro e uma forma de guardá-lo. Essa diferenciação é fundamental, pois é necessário ter em mente que seus investimentos são a forma com que você guarda dinheiro (a não ser que você seja um investidor profissional) e, portanto, é necessário ter disciplina para destinar uma parcela de seus ganhos para a construção de seu patrimônio. 

Outro ponto é saber onde guardar esse patrimônio. Como são muitas as alternativas disponíveis no mercado financeiro, o primeiro passo é entender qual é seu perfil de investidor. Desta forma, sua escolha deverá ser realizada considerando a melhor relação risco/retorno dentro do universo de produtos de investimento que fazem sentido para você, evitando possíveis transtornos.

A conclusão é que a obtenção de um patrimônio milionário depende, em linhas gerais, de sua disciplina e do seu perfil de investidor, pois a riqueza não é gerada pela receita ou pelo seu gasto, mas sim pela sua capacidade de poupar e de utilizar os juros compostos multiplicar suas reservas de maneira consciente.

Ficou interessado e quer saber mais sobre os investimentos disponíveis para que você possa gerar sua riqueza? Entre em contato e venha conhecer o que um dos maiores escritórios de investimentos do Brasil tem para te oferecer.



×